2021-07-04
A imagem é apenas para fins ilustrativos.

O presidente israelense Reuven Rivlin enviou parabéns a Lukashenka por ocasião do Dia da Independência oficialmente celebrado em Belarus. Junto com o presidente israelense, líderes de Estados autoritários – Rússia, China, Turquia, Turcomenistão, Síria – enviaram seus parabéns.

Jornal israelense Haaretz pressupõeque as autoridades do país estão preocupadas com o “bem-estar” da comunidade judaica em Belarus, portanto, preferem não se “opor” à administração de Lukashenka.

Um porta-voz de Reuven Rivlin disse a repórteres que a carta de congratulações foi enviada “de acordo com a prática usual do Ministério das Relações Exteriores nos dias nacionais dos países com os quais Israel mantém relações diplomáticas”. A este respeito, a comunidade israelense de imigrantes de Belarus, RAZAM, enviou uma carta ao presidente do país, na qual expressou sua decepção por ele ter parabenizado Lukashenka em 3 de julho.