2021-06-03

Jábinka é uma cidade satélite de Brest, com 13 mil habitantes. Poucos esperavam que os residentes desta cidade tranquila apoiassem o protesto. Mas eles protestam desde agosto de 2020 e não desistiram até hoje.

Um nativo de Jábinka, Henadz Shutau foi morto por policiais com uma arma de serviço durante protestos pacíficos.

Não muito tempo atrás, ativistas jogaram retratos de Lukashenka no lixo, alguns deles estavam manchados com fezes. Depois disso, uma verdadeira operação especial se desenrolou em Jábinka, com prisões e buscas. Carros de polícia estão constantemente circulando pela cidade. Ao mesmo tempo, as autoridades estão fazendo de tudo para evitar que as pessoas se aglomerem e se reunam: bancos da praça foram retirados, barracas de anúncios foram retiradas por toda a cidade, pois ali eram constantemente afixados panfletos de protesto.

“Hoje Jábinka se assemelha a uma cidade sob ocupação”, – dizem moradores da cidade, mas têm orgulho de si mesmos e não desistem.