2021-08-06
Yury Maissévitch.

O COI retirou o credenciamento dos treinadores da seleção belarussa Artur Shimak e Yury Maissévitch por causa de sua participação na tentativa de forçar a atleta Krystsina Tsimanouskaya a voltar para casa. Os dois treinadores já deixaram a vila olímpica.

O COI indicou que tal decisão como medida temporária foi tomada “para o bem-estar dos atletas do Comitê Olímpico Nacional de Belarus, que ainda estão em Tóquio”. O chefe do COI, Thomas Bach, disse que a organização continua investigando o caso da atleta Tsimanouskaya. “Haverá mais sanções? Isso é decidido pela comissão disciplinar. A investigação desse caso continua. Nada acabou ainda. Medidas e sanções ainda podem seguir,” relatou Bach para jornalistas.