2021-07-07
Embaixada da Lituânia em Minsk.

Serviço Europeu de Ação Externa (SEAE) convoca as autoridades belarussas para permitirem a plena presença de missões diplomáticas no país para que os canais diplomáticos permaneçam abertos.

Em outubro de 2020, os embaixadores da Lituânia e da Polônia tiveram que deixar Belarus, e este ano os corpos das embaixadas da Letônia e da Lituânia em Minsk foram reduzidos ao mínimo. Mais recentemente, as autoridades belarussas pediram ao chefe da delegação da UE em Minsk, Dirk Schuebel, que regressasse a Bruxelas para consultas.

“Com essas ações, o regime se isola ainda mais. Essas decisões também prejudicam Belarus e sua população,”- diz-se na declaração do SEAE (tradução do Belapan)