2021-07-07
Raman Pratassêvitch em uma entrevista coletiva com autoridades. Minsk, 14 de junho de 2021

O prisioneiro político Raman Pratassêvitch tem uma nova conta no Twitter. Em uma das primeiras postagens o jornalista declarou que está “de volta à vida na Internet” e prometeu responder às mensagens.

Raman Pratassêvitch formalmente está em prisão domiciliar. Sob essa medida de contenção, geralmente é proibido usar o telefone ou a Internet, bem como sair de casa. Não está claro quem exatamente está por trás dessa estranha ação de relações públicas, mas há dúvidas razoáveis sobre a voluntariedade das ações de Pratassêvitch, que na prática é refém das autoridades belarussas.