2021-12-29

O Projeto de Denúncia de Crime Organizado e Corrupção (OCCRP) nomeou Aliaksandr Lukashenka como Pessoa do Ano, em 2021, pelo avanço em larga escala da atividade do crime organizado e da corrupção.

“Um painel de seis jornalistas e acadêmicos que estudam e relatam sobre corrupção não teve problemas para selecionar o autocrata pós-soviético, apesar de um recorde de 1.167 indicados. É a primeira vez em uma década em que distribuímos os prêmios globais de Pessoa do Ano em que a decisão foi unânime”, relata o portal do OCCRP.

De acordo com o OCCRP, durante o ano passado, Lukashenka organizou fluxos de fundos estatais para oligarcas próximos de sua família, ordenou a interceptação de um avião de passageiros da Ryanair que transportava um dissidente belarusso, usou as redes criminosas e corruptas do Estado belarusso para promover a crise migratória e a desinformação promulgada sobre o coronavírus.